12/04/2016 - UM REINO SEM DENGUE

Em Maracaí, projeto estimula crianças a combater o Aedes Aegypti


Patrocinada pela Duke Energy, contação de história aborda a proliferação do mosquito de forma lúdica

 

Crianças da rede pública de ensino do município de Maracaí recebem, nesta quarta-feira (13), uma atividade diferenciada que estimula o combate ao mosquito Aedes Aegypti. O projeto “Um Reino sem Dengue”, que trabalha o assunto por meio de contação de história, será apresentado na EMEF Professora Maria Helena da Silva Silvério, pela Villa 7 Produções Culturais. O evento é patrocinado pela Duke Energy, por meio da Lei Rouanet de incentivo fiscal.

O projeto consiste na encenação do livreto, com o mesmo nome, escrito pela autora Alda de Miranda.

Em Maracaí serão duas apresentações: às 9h e às 14h. A programação cultural, realizada em parceria com as secretarias municipais de Educação e de Cultura, percorrerá 25 municípios paulistas e paranaenses, encerrando-se em 19 de abril.

De acordo com André Guimarães, da área de Relações Institucionais da Duke Energy, através da contação de história, as crianças são conscientizadas sobre a importância de combater o Aedes Aegypti que, além da dengue, transmite outras graves doenças como o zika vírus e chikungunya.

“Nosso país vive um momento preocupante em relação à epidemia de dengue e todos precisam agir intensamente contra o Aedes. Com este projeto, a ideia é despertar as crianças sobre a necessidade de eliminar os criadouros e evitar a proliferação do mosquito transmissor de doenças que podem até matar”, enfatiza Guimarães.

A história

Em um reino, o rei fica doente e o responsável é um mosquitinho, que será combatido heroicamente por príncipes e súditos. O livreto “Um Reino sem Dengue” aborda o surto da doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti. Com ilustrações alegres e coloridas, foca em ensinamentos de como prevenir a dengue. Com o mesmo intuito, o espetáculo de contação de histórias traz uma trilha sonora envolvente, texto leve e divertido e um cenário que aflora a imaginação infantil.

A Duke Energy Brasil tem a concessão de oito usinas hidrelétricas instaladas ao longo do rio Paranapanema e duas pequenas centrais hidrelétricas no rio Sapucaí-Mirim. Juntas as duas operações são responsáveis por cerca de 2,3Gigawatts de capacidade total instalada e geram uma média 12 milhões de MW/h por ano. Isso equivale a energia suficiente para abastecer quase 7 milhões de famílias ou 27 milhões de habitantes. Com cerca de 300 empregados no país, a Duke Energy Brasil representa o maior investimento internacional da norte-americana Duke Energy Corp.,a maior companhia de serviços públicos dos Estados Unidos.

A Villa 7 Cultura é uma produtora Cultural especializada em gestão de cultura e no desenvolvimento de projetos culturais utilizando as leis de incentivo fiscal.​

 


Compartilhar:  


VEJA TAMBÉM


18/11/2017 - Duas pessoas morrem após ônibus com familiares de detentos capotar em Maracaí


17/11/2017 - Motociclista morre após bater em veículo em avenida de Tupã


16/11/2017 - Motorista perde controle e capota veículo em Avenida de Assis


16/11/2017 - Idosa engasga com pão e é salva após orientações por telefone em Tupã


14/11/2017 - Campanha de Natal em Quatá arrecada toneladas de alimentos


14/11/2017 - Carcereiro é agredido por preso na cadeia de Lutécia; assista ao vídeo


13/11/2017 - Tupãense morre ao capotar o carro na Rodovia Marechal Rondon


13/11/2017 - Criança ajuda mãe vender HiperSaúde, comove assisenses e ganha bicicleta


13/11/2017 - Pescador de Cândido Mota desaparece no Rio Paranapanema após barco virar


11/11/2017 - Homem é preso suspeito de agredir a avó por causa de drogas em Marília


10/11/2017 - Acidente deixa vítima fatal na rodovia SP-333


09/11/2017 - Bombeiros de Marília salvam gatinhos de incêndio em casa que estava vazia


09/11/2017 - Comparsa de homem preso com 700 kg de maconha é detido com mais droga em Ibirarema


08/11/2017 - Após ficar 'comovido' com conselhos de vítima, usuário de droga desiste de roubá-la


08/11/2017 - Após formar filhos, aposentada de 77 anos sonha em fazer faculdade: 'Chegou a minha vez'


06/11/2017 - Filhotes de macaco-prego são apreendidos em bagageiro de ônibus em Ourinhos


04/11/2017 - Em tentativa de fuga, detento agride carcereiro e o toma como refém em Lutécia


03/11/2017 - Adolescente de 13 anos é esfaqueada pela própria irmã na região de Tupã


03/11/2017 - Mais um assisense ganha na loteria, desta vez na Lotofácil


03/11/2017 - Carro fica destruído após ser atingido por ônibus em cruzamento em Assis


02/11/2017 - Homem ateia fogo na casa e tenta esfaquear os pais em Marília


02/11/2017 - Mulher morre em Cândido Mota após ser atropelada durante caminhada


31/10/2017 - Motorista morre e duas crianças ficam feridas em acidente com veículo escolar em Rancharia


31/10/2017 - Acidente envolve nove veículos e deixa motorista preso às ferragens em Marília


30/10/2017 - Clima ajuda e safra de melancia deve ser boa em Oscar Bressane


30/10/2017 - Parapente enrosca em árvore e bombeiros resgatam homem a 20 metros de altura em Marília


28/10/2017 - Polícia acha quase 300 quilos de maconha em carro abandonado em Marília


27/10/2017 - Homem é prensado por caminhão sem freio em Marília


26/10/2017 - Gato prende a cabeça em carretel e é socorrido pelos bombeiros em Tupã


25/10/2017 - Morre segunda vítima do acidente na Rodovia Miguel Jubran entre Assis e Tarumã