14/11/2017 - AGRESSÃO

Carcereiro é agredido por preso na cadeia de Lutécia; assista ao vídeo


Após o fato, funcionários do local denunciaram a falta de infraestrutura e efetivo. Segundo eles, no dia da agressão, vítima estava sozinha e deveria ter pelo menos mais um carcereiro.

 


Imagens mostram carcereiro sendo agredido na cadeia de Lutécia
 

OTEM Notícias teve acesso nesta segunda-feira (13) ao vídeo do circuito de segurança da cadeia de Lutécia (SP) que mostra um dos carcereiros do local sendo rendido e agredido por um dos presos. O fato aconteceu no dia 2 de novembro e nesta segunda-feira, a vítima falou sobre o ataque.

O preso que aparece nas imagens foi o último a ser recolhido porque era o responsável pela faxina do local. Mas, em vez de entrar na cela ele parte para cima do carcereiro. A vítima que não quis se identificar conta que o preso carregava uma faca feita artesanalmente.

 


Preso rendeu o carcereiro com uma faca artesanal quando era recolhido à cela em Lutécia (Foto: Reprodução/ TV TEM)

 

“Nesse momento ele me pega de surpresa com um objeto que a gente chama de 'espeto', que uma espécie de faca artesanal que eles fazem com alguns metais que eles tiram das grades, das telas, e ele enfia no meu pescoço e ele fala que era para fugir, que eu não me mexesse e que ele iria me matar."

A agressão dura quase três minutos e durante esse período a cela permaneceu aberta. A vítima conta que dentro dela havia outros quatro presos.

“Os demais presos não saíram do xadrez e eu não sei o motivo. E eu entendi que foi uma iniciativa dele. Eu fiquei com medo de morrer, ele não tem nada a perder, eu tenho a minha vida toda pela frente.”

 


Preso também chega a render outro detento quando o carcereiro consegue se soltar em Lutécia (Foto: Reprodução/TV TEM)
 

As imagens mostram ainda que o carcereiro consegue se libertar e tranca um dos portões de acesso. O preso então faz outro detento refém e a violência só termina com a chegada do delegado.

A cadeia de Lutécia é para presos provisórios que aguardam uma vaga em uma penitenciária da região. O prédio fica junto com a delegacia e de acordo com a polícia tem em média 35 presos por dia.

Após a agressão, funcionários da cadeia denunciam que o local não tem infraestrutura adequada. Teria apenas um carcereiro por turno quando o obrigatório é no mínimo dois. Por isso a vítima estaria sozinha recolhendo o preso no dia da agressão.

Segundo o delegado seccional Newton Calasans Júnior, responsável pela administração da cadeia, a falta de efetivo não justifica a conduta do carcereiro. Para ele, a agressão poderia ter sido evitada.

 


Carcereiro contou os momentos de tensão após ser rendido pelo preso na cadeia de Lutécia (Foto: Reprodução/ TV TEM)
 

“Toda vez que o carcereiro entra na cadeia, tem que ter outro na porta, então naquele dia havia um carcereiro nas dependências da cadeia. Mesmo com um quadro enxuto, as necessidades são sempre atendidas”, afirma o delegado.

Um boletim de ocorrência por lesão corporal foi registrado contra o preso e ele foi transferido para a cadeia de Mirandópolis.

 

Fonte: G1 Bauru e Marília


Compartilhar:  


VEJA TAMBÉM


20/11/2017 - Motociclista de Assis morre em acidente no Paraná


20/11/2017 - Bombeiros de Assis resgatam cachorra com cabeça presa em cano


18/11/2017 - Duas pessoas morrem após ônibus com familiares de detentos capotar em Maracaí


17/11/2017 - Motociclista morre após bater em veículo em avenida de Tupã


16/11/2017 - Motorista perde controle e capota veículo em Avenida de Assis


16/11/2017 - Idosa engasga com pão e é salva após orientações por telefone em Tupã


14/11/2017 - Campanha de Natal em Quatá arrecada toneladas de alimentos


13/11/2017 - Tupãense morre ao capotar o carro na Rodovia Marechal Rondon


13/11/2017 - Criança ajuda mãe vender HiperSaúde, comove assisenses e ganha bicicleta


13/11/2017 - Pescador de Cândido Mota desaparece no Rio Paranapanema após barco virar


11/11/2017 - Homem é preso suspeito de agredir a avó por causa de drogas em Marília


10/11/2017 - Acidente deixa vítima fatal na rodovia SP-333


09/11/2017 - Bombeiros de Marília salvam gatinhos de incêndio em casa que estava vazia


09/11/2017 - Comparsa de homem preso com 700 kg de maconha é detido com mais droga em Ibirarema


08/11/2017 - Após ficar 'comovido' com conselhos de vítima, usuário de droga desiste de roubá-la


08/11/2017 - Após formar filhos, aposentada de 77 anos sonha em fazer faculdade: 'Chegou a minha vez'


06/11/2017 - Filhotes de macaco-prego são apreendidos em bagageiro de ônibus em Ourinhos


04/11/2017 - Em tentativa de fuga, detento agride carcereiro e o toma como refém em Lutécia


03/11/2017 - Adolescente de 13 anos é esfaqueada pela própria irmã na região de Tupã


03/11/2017 - Mais um assisense ganha na loteria, desta vez na Lotofácil


03/11/2017 - Carro fica destruído após ser atingido por ônibus em cruzamento em Assis


02/11/2017 - Homem ateia fogo na casa e tenta esfaquear os pais em Marília


02/11/2017 - Mulher morre em Cândido Mota após ser atropelada durante caminhada


31/10/2017 - Motorista morre e duas crianças ficam feridas em acidente com veículo escolar em Rancharia


31/10/2017 - Acidente envolve nove veículos e deixa motorista preso às ferragens em Marília


30/10/2017 - Clima ajuda e safra de melancia deve ser boa em Oscar Bressane


30/10/2017 - Parapente enrosca em árvore e bombeiros resgatam homem a 20 metros de altura em Marília


28/10/2017 - Polícia acha quase 300 quilos de maconha em carro abandonado em Marília


27/10/2017 - Homem é prensado por caminhão sem freio em Marília


26/10/2017 - Gato prende a cabeça em carretel e é socorrido pelos bombeiros em Tupã