13/09/2018 - MARÍLIA

Jovem que 'casou' com 10 anos e estava em cárcere privado com os filhos vivia como escrava sexual

Fonte: G1 Bauru e Marília


Vítima de 18 anos contou que era agredida constantemente e obrigada a ter relações sexuais com o 'marido'. Rapaz está preso preventivamente em Marília (SP).

 


Polícia encontrou correntes que trancavam as portas da casa em Marília — Foto: Delegacia da Mulher/Divulgação
 

A jovem de 18 anos que era mantida em cárcere privado pelo "marido" em Marília (SP), juntamente com os dois filhos, de 1 ano e sete meses e 2 anos, contou à polícia que os três eram agredidos constantemente e que era ameaçada e obrigada a manter relações sexuais com o agressor, Valdecir Júnior da Silva Bastos, de 25 anos, que está preso preventivamente.

O caso foi descoberto pela polícia na terça-feira (11), após uma denúncia anônima. Os policiais foram até o endereço na Vila Hípica e encontraram a jovem e as crianças trancadas na casa. Havia uma corrente no portão presa com cadeado, virado para o lado de fora.

A jovem contou aos policiais que não tinha a chave e não podia sair de casa sem a companhia do marido. Segundo a delegada responsável pelo caso, a jovem e as crianças tinham sinais de agressão e a jovem estava bastante assustada.

“A vítima relatou que tanto ela como as crianças sofriam agressões físicas e psicológicas e ela relata também agressões sexuais, de que ela era obrigada a manter relações sexuais com o agressor”, explica a Viviane Sponchiado.

 


Delegada de Marília diz que a jovem sofria agressões físicas, psicológicas e sexuais, além de ser mantida em cárcere 
(Foto: TV TEM / Reprodução)

 

A delegada conta ainda que a jovem pediu ajuda. “A vítima estava muito abalada, para ela essa era a única vida que ela conhecia há anos. Ela reconhece a dificuldade que era sair daquela situação, sendo que ela não tinha renda, e nem para onde ir com dois filhos pequenos, mas quando nós chegamos ali, ela disse que precisava sair dali e que não aguentava mais ser agredida”, completa a delegada.

 

Estupro de vulnerável

Ainda de acordo com a polícia, a vítima disse que tinha o relacionamento com Valdecir há 8 anos, ela saiu de casa com 10 anos para viver com ele, que na época tinha 17 anos, com o consentimento dos pais.

“Ela não soube informar há quanto tempo era mantida presa dentro de casa. Mas, disse que teve os filhos na maternidade e desde então não saiu para mais nada, somente na presença do marido. As crianças inclusive não tomaram as vacinas que deveriam ter tomado e quando ela ou os filhos ficavam doentes, era o marido que saia e trazia os remédios.”

 


Casa onde a mulher e as crianças eram mantidas em cárcere foi encontrada em condições precárias de higiene 
(Foto: Delegacia da Mulher/Divulgação)

 

Segundo a delegada, foi aberto um inquérito para investigar a suspeita de estupro de vulnerável, por ela ter saído de casa com 10 anos para morar com o agressor, na época com 17.

O rapaz foi preso em flagrante por cárcere privado e maus-tratos e teve a prisão convertida em preventiva pela Justiça. A polícia entrou com um pedido de medida protetiva urgente para a jovem e os filhos, que foram acolhidos por familiares.

 


Suspeito de 25 anos teve a prisão preventiva decretada pela Justiça em Marília 
(Foto: Polícia Civil (DDM) / Divulgação)

 


Compartilhar:  


VEJA TAMBÉM


18/01/2019 - Clientes da Vivo ficam sem sinal de celular por cinco horas na região de Assis


18/01/2019 - Região de Assis tem cana sofrendo com a baixa umidade e Raízen Tarumã já anunciou atraso na safra


17/01/2019 - Caminhão de cerveja pega fogo em rodovia de Cândido Mota


17/01/2019 - Motorista fica preso às ferragens após bater na traseira de caminhão em Maracaí


16/01/2019 - Homem é preso suspeito de furtar peças de picanha em Marília


16/01/2019 - Polícia Militar encontra droga enterrada dentro de tambores em Tupã


15/01/2019 - Assaltante é atropelado durante roubo em Marília


15/01/2019 - Prefeitura de Quatá entrega cheques aos ganhadores da campanha 'Melhoria de Arrecadação do IPTU'


15/01/2019 - Laudo aponta que sobrinho de prefeito de Marília encontrado morto sofreu traumatismo craniano


14/01/2019 - Quatro pessoas ficam feridas após acidente entre carro e carreta em Rancharia


14/01/2019 - Programa Direção Segura autua 17 motoristas Assis


14/01/2019 - Jovem é detido levando 51 quilos de maconha que seria entregue em Assis


14/01/2019 - Sobrinho do prefeito de Marília é encontrado morto em despenhadeiro


12/01/2019 - Três homens são presos com 40 kg de skank e R$ 23 mil em Marília


12/01/2019 - Idosa morre após ser agredida por assaltantes em Bastos


12/01/2019 - Açougueiro é encontrado morto próximo ao Horto de Palmital


11/01/2019 - Santa Casa de Assis renova seu enxoval hospitalar


11/01/2019 - João Dória suspende concurso para mais de 1,6 mil cargos no HC/Famema de Marília


10/01/2019 - Ladrões usando capacetes invadem sorveteria e roubam R$ 2 mil em Assis


09/01/2019 - Rapaz de 35 anos é preso com meio tijolo de maconha em Quatá


08/01/2019 - Grupo armado suspeito de tentativa de assalto é preso em Tarumã


07/01/2019 - Rapaz de 22 anos é preso após ameaçar jogar álcool e atear fogo na mãe, em Tupã


07/01/2019 - Bombeiros de Tupã resgatam vaca que caiu em poço de 15 metros


05/01/2019 - Agentes penitenciários sofrem acidente próximo ao trevo de Rancharia


05/01/2019 - Jovem motociclista morre no HC após grave acidente em Marília


04/01/2019 - Com cortes na região do pescoço, jovem de 21 anos morre, em Martinópolis


04/01/2019 - Homem morre ao cair durante poda de árvore em Tupã


04/01/2019 - Secretaria de Saúde investiga duas mortes suspeitas de Febre Maculosa em Maracaí


02/01/2019 - Ônibus fica destruído após pegar fogo em praça de pedágio de Palmital


02/01/2019 - Assisense de 15 anos morre afogado no Balneário de Florínea