29/01/2019 - DURANTE CONTAGEM

Detento agarra agente pelo pescoço e agride funcionário na Penitenciária de Martinópolis

Fonte: Por G1 Presidente Prudente


Sindicato da categoria informou que o Grupo de Intervenção Rápida (GIR) foi acionado e entrou na unidade para revistar a cela e retirar o envolvido no caso.

 


Preso agrediu funcionário na Penitenciária de Martinópolis - Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira
 

Um agente de segurança penitenciária foi agredido por um preso na noite deste domingo (27) na Penitenciária "Tacyan Menezes de Lucena", em Martinópolis.

De acordo com as informações fornecidas ao G1 pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado de São Paulo (Sindasp), a agressão ocorreu por volta das 18h, na troca de plantão, quando o funcionário fazia a contagem de presos da unidade.

Durante o procedimento, quando abriu o guichê existente na porta de uma cela para verificar a quantidade de detentos no local, o servidor público foi surpreendido por um preso que colocou a mão para fora e agarrou o agente pelo pescoço e pela camisa, segundo o Sindasp.

Ainda conforme o sindicato, o preso agrediu o funcionário com socos, puxões e batidas na porta de metal da cela.

Como, durante a agressão, a camisa do servidor se rasgou, o agente conseguiu se desvencilhar do preso.

O plantão foi comunicado sobre a ocorrência e outros funcionários compareceram ao raio da cela para ajudar o trabalhador agredido.

O Grupo de Intervenção Rápida (GIR), que é uma espécie de "tropa de elite" para atuação em situações críticas no sistema prisional paulista, também foi acionado e entrou na unidade para revistar a cela e retirar o preso envolvido no caso, segundo o Sindasp.

O sindicato informou ao G1 que o agente registrou um Boletim de Ocorrência na Delegacia da Polícia Civil, foi submetido ao exame de corpo de delito e passa bem.

A Penitenciária de Martinópolis já conta com a automatização das celas, tecnologia que evita o contato direto dos agentes com os presos. O sistema automatizado é controlado pelos agentes através de um painel, que abre e fecha as celas nos momentos de saída e recolhimento dos detentos, como o banho de sol, por exemplo.

No entanto, a abertura do guichê que fica na porta de cada cela é feita manualmente pelos funcionários. Trata-se de um procedimento rotineiro realizado a cada 12h, sempre quando ocorre a troca de um plantão, para a conferência do número de presos na unidade. Quando abre o guichê de uma cela, o agente conta, um por um, os presos que estão no local.

“Estamos preocupados com a segurança dos agentes penitenciários. Estamos atentos. Parece que voltou a problemática de agressões. Estamos preocupados porque isso pode crescer e precisamos da adoção de providências pela SAP [Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo] para conter esses casos antes que tomem uma proporção maior”, disse ao G1 o presidente do Sindasp, Valdir Branquinho.

De acordo com os dados da SAP, a Penitenciária de Martinópolis conta atualmente com uma população carcerária de 2.204 presos, embora tenha capacidade para abrigar 872 detentos. O presídio funciona no regime fechado.

O G1 solicitou um posicionamento oficial da SAP sobre o caso que vitimou o agente penitenciário em Martinópolis, mas até o momento desta publicação não obteve resposta.

 


Compartilhar:  


VEJA TAMBÉM


23/02/2019 - Criança de 11 anos morre após sofrer convulsões em escola de Marília


23/02/2019 - Unimed Assis realiza coleta de exames com pacientes do Programa Medicina Preventiva


22/02/2019 - Mulher fica gravemente ferida após acidente no centro em Assis


22/02/2019 - Homem morre eletrocutado durante trabalho em Assis


21/02/2019 - Mulher morre após aumento na dosagem de remédios em Marília


20/02/2019 - Ajudante de pedreiro é esfaqueado por esposa em Marília


20/02/2019 - Quatá realiza 1º Concurso Rei e Rainha do Carnaval


19/02/2019 - Rapaz que morreu na SP-333 cometeu suicídio, diz polícia


19/02/2019 - Acidente entre caminhões mata uma pessoa na SP-333, entre Assis e Marília


19/02/2019 - Mulher é presa suspeita de esfaquear marido após briga em Ourinhos


18/02/2019 - Idoso morre vítima de acidente de trânsito em rodovia de Rancharia


18/02/2019 - Dise apreende quase uma tonelada de maconha escondida em caminhão, em Tupã


18/02/2019 - Acidente mata jovem de 25 anos na rodovia SP-333 em Marília


18/02/2019 - Auxiliar de limpeza salva casamento de 55 anos após devolver aliança perdida por idoso em Marília


16/02/2019 - Justiça permite cultivo de maconha para tratamento em Marília


16/02/2019 - Caminhoneiro dorme ao volante e veículo tomba em rodovia de Tupã


15/02/2019 - Futebol amador de Quatá ganha treinador e se prepara para disputas


15/02/2019 - Ministério Público Federal pede prisão de Abelardo Camarinha


15/02/2019 - Cachorros são encontrados com órgãos genitais mutilados em Tupã


14/02/2019 - Foragido resiste à abordagem policial, investe contra PMs e morre baleado, em Martinópolis


14/02/2019 - Morre contador agredido durante briga no Clube da 3ª Idade em Assis


13/02/2019 - Mulher é atropelada em faixa de pedestres no centro de Assis


13/02/2019 - Idoso é resgatado em Marília após ficar sequestrado por dois dias


12/02/2019 - Mariliense vive momento de terror e tem moto roubada após negociação na OLX


12/02/2019 - Homem morre em troca de tiros com a polícia durante tentativa de furto a loja em Marília


12/02/2019 - Jovem é assassinada a tiro na porta de casa em Tupã; ex-namorado foi preso


10/02/2019 - PM encontra dinheiro do tráfico escondido dentro de bíblia em Maracaí


10/02/2019 - Homem assume traficar drogas e acaba preso na cadeia de Lutécia


10/02/2019 - Motorista bate em carro estacionado e capota veículo em Marília


10/02/2019 - Cão não abandona corpo de dono que morreu e comove bombeiros em Marília