13/09/2019 - SETEMBRO AMARELO

Câmara promove palestra sobre suicídio

Fonte: Leonardo Volcean - Assessoria de Imprensa da Câmara


 


A palestra  "Prevenção ao Suicídio – Valorizando Vidas” foi proferida pela professora mestre Mariana Carolina Vastag
 

Foi realizada na última terça-feira (10) a palestra  "Prevenção ao Suicídio – Valorizando Vidas”, proferida pela professora mestre Mariana Carolina Vastag. O evento é parte do Setembro Amarelo – mês de prevenção ao suicídio, instituído por meio do Decreto Legislativo nº 77, com projeto de autoria da vereadora Neide Teodoro.

A Mesa Principal da solenidade esteve composta pelas seguintes autoridades: vereadora Luciana, representando o Presidente da Câmara Serginho; Prefeita Almira Garms; vereadora Neide Teodoro; Íris Vieira, psicólogo; Cristiane Bonfim, diretora do departamento de saúde; e a palestrante da tarde, professora Mariana. Na ocasião, fizeram uso da palavra a representante do Legislativo, vereadora Luciana; a Prefeita Almira; e a vereadora Neide.

Em seguida, Mariana deu início a sua palestra. A profissional da saúde trouxe dados importantes e destacou como é possível identificar e ajudar uma pessoa que tenha pensamentos suicidas. O Brasil é o 8º país em número absoluto de suicídios, onde, em média, 11 mil pessoas tiram a vida por ano; o suicídio é a quarta maior causa de morte entre 15 e 29 anos de idade. Mais de 65% dos óbitos nessa faixa etária são por causas externas – violências e acidentes. A maioria das tentativas de suicídio ocorre entre mulheres – elas representam 69%, porém, homens morrem mais por suicídio – 79%.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), transtornos mentais como depressão, abuso de álcool, transtorno bipolar e esquizofrenia se encontram entre as 20 principais causas de incapacidade; estima-se que atualmente a depressão afeta cerca de 350 milhões de pessoas, sendo que a taxa de prevalência na maioria dos países varia entre 8% e 12%. É a principal causa de incapacitação dos indivíduos no mundo quando se considera o total de anos perdidos (8,3% dos anos para homens e 13,4% para mulheres), e a terceira principal causa da carga global de doenças em 2004. A previsão é de que subirá ao primeiro lugar até 2030.

Entre os principais fatores de risco estão: história de hospitalização (início e saída da internação); gravidade da depressão; história familiar de comportamento suicida; transtornos psicóticos; situações deflagrantes recentes: aniversários, datas importantes, luto, meios de acesso às armas letais; preparação de um testamento ou cenas de despedida; melhora súbita do humor depressivo e/ou desistência repentina do ato; precaução para evitar intervenção, como isolamento ou minimização do risco de descoberta; nenhuma ação para pedir socorro após o evento; pessoa com remorso por sobreviver à tentativa.

Mariana explicou que podemos identificar e ajudar a tempo pessoas da nossa convivência que apresentem estes sinais de que podem cometer suicídio. Para ajudar essas pessoas, em nosso município temos o CAPS pelo telefone 3361-5144, a Santa Casa pelo 3361-1133 ou ainda é possível enviar um e-mail para a palestrante – marianacvastag@yahoo.com.br – para que receba as devidas orientações de como proceder e ajudar alguém que apresente sinais ligados a um possível suicídio.

A palestrante Mariana é enfermeira graduada pela Universidade de Marília; pós-graduada em Psiquiatria e Saúde Mental pela Faculdade de Medicina de Marília; e pós-graduada em Formação Didático Pedagógica em Enfermagem pelo Instituto de Estudos Avançados e Pós-Graduação Faculdades Iguaçu. Possui experiência em Enfermagem Psiquiátrica, atuando principalmente nos Transtornos Psiquiátricos de Causa Orgânica, Terceira Idade, Pesquisa e Educação Profissional.

 

 


Compartilhar:  


VEJA TAMBÉM


26/02/2020 - PM captura procurado pela Justiça por tráfico e associação ao tráfico de drogas


24/02/2020 - Homem é acusado de tentar estuprar mulher na Vila Nova, em Paraguaçu


24/02/2020 - Homem leva várias facadas por suposta vingança em Paraguaçu Paulista


22/02/2020 - Carnaval terá coleta de lixo em Paraguaçu


22/02/2020 - Carnaval de Paraguaçu foi transferido para Fonte Luminosa


22/02/2020 - Cerca de 75% dos criadouros do mosquito Aedes aegypti estão dentro das residências


21/02/2020 - Passageira grávida de 08 meses é resgatada após acidente entre carros, em Paraguaçu


20/02/2020 - Chuva provoca erosão na Rua Almeida Júnior e Prefeitura já recupera o estrago


19/02/2020 - Pedestre morre quatro dias após ser atropelado por motocicleta em Paraguaçu


19/02/2020 - Por excelente atuação em ocorrência em Pedrinhas Paulista, equipe da PM recebe homenagem


19/02/2020 - Família de Nair Marques presta homenagem à equipe do Lar dos Idosos


19/02/2020 - Curso de Agrotóxico - uso correto e seguro - NR 31.8 está com inscrições abertas


18/02/2020 - Motorista foge após se envolver em acidente com moto, em Paraguaçu


18/02/2020 - Educação de Paraguaçu faz nova atribuição de aulas


17/02/2020 - Com fila de espera, Time do Emprego de Paraguaçu antecipa capacitação


17/02/2020 - Drogas, televisor e dinheiro são apreendidos em residência no Jd. Bela Vista


17/02/2020 - Prefeita recebe placa do projeto de Eficiência Energética da Energisa


17/02/2020 - Associação de Combate ao Câncer ganha terreno para construção da sua sede


15/02/2020 - Motorista de Paraguaçu coloca família em risco ao tentar fuga da polícia


15/02/2020 - Menino de 13 anos morre após ser atropelado por motorista embriagado em Paraguaçu


14/02/2020 - Cadastramento para castração de animais voltará em março


14/02/2020 - Paraguaçu participa de encontro com secretário estadual de Infraestrutura Marcos Penido


14/02/2020 - Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá


13/02/2020 - Vítimas registram ocorrências de furtos a residências em Paraguaçu Paulista


13/02/2020 - ACE recebe gestores do Sebrae e oferece capacitação empreendedora em Paraguaçu Paulista


13/02/2020 - Associação Comercial oferece oportunidade de emprego para estudantes de Paraguaçu Paulista


12/02/2020 - Mulher quase perde mais de R$ 1.450 após cair em golpe de WhatsApp, em Paraguaçu


12/02/2020 - Em fevereiro, já são 53 casos suspeitos de dengue em Paraguaçu Paulista


11/02/2020 - PM apreende 90 porções de drogas e menor confessa envolvimento com o tráfico


11/02/2020 - Ladrões furtam casa enquanto proprietário viajava, em Paraguaçu