Estado prevê 440 doses iniciais da vacina para profissionais da Saúde de Paraguaçu

A quantidade de doses enviadas nesse primeiro momento não será suficiente para atender os 1800 profissionais.


A primeira remessa da vacina CoronaVac que será enviada pelo Governo do Estado de São Paulo à Paraguaçu Paulista irá atender exclusivamente profissionais da Saúde que estão na linha de frente de combate ao Covid. Estão previstas 440 doses para atender apenas a primeira etapa de vacinação.  

O Plano de Imunização foi repassado aos vereadores na manhã desta quarta-feira em uma reunião na prefeitura pelo Departamento de Saúde.

Como a quantidade de doses enviadas nesse primeiro momento não será suficiente para atender os 1800 profissionais, o  Plano do município prevê o escalonamento de profissionais para receber a vacina. Os que estão mais suscetíveis ao risco de contaminação como os que atuam na Unidade de Terapia Intensiva e Pronto Socorro da Santa Casa deverão ser priorizados.

"Precisamos cuidar de quem esta cuidando das pessoas. Se perdemos  profissionais, o sistema colapsa", afirmou Iraciana Messias de Paiva, coordenadora da Vigilância Sanitária.

Para serem vacinados, os profissionais deverão apresentar CPF e carteira do respectivo conselho profissional ou algum documento que comprove o vínculo empregatício.

O Departamento de Saúde ressalta que ainda não há data certa para a chegada da remessa, mas que o município já está com tudo pronto para dar início ao processo de imunização. "Estamos com tudo pronto para iniciar a vacinação dos profissionais, com estoque de insumos suficientes para atender essa primeira fase tranquilamente".

As unidades de saúde também estão passando por um cronograma de higienização padrão, conforme sugerida por autoridades de saúde pública. Essa higienização está sendo feita em parceria com a Sabesp.


O Plano de Imunização foi repassado aos vereadores na manhã desta quarta-feira em uma reunião na prefeitura pelo Departamento de Saúde

 

DROGARIAS POUPAQUI 2


i7 Notícias i7 Notícias