Cuscuz de tapioca com calda de coco queimado

Nesta versão, o cuscuz de tapioca é enformado e servido em fatias com calda de coco queimado e fitas de coco.


O clássico da cozinha brasileira ganhou novos ares. Nesta versão, o cuscuz de tapioca é enformado e servido em fatias com calda de coco queimado e fitas de coco. Fica todo impressionante. E você pode experimentar novas coberturas, usar a criatividade para compor a sua sobremesa. E mais: no fim da receita, tem dicas para servir o cuscuz de dois jeitos bem surpreendentes.

PARA O CUSCUZ

INGREDIENTES

2 xícaras (chá) de tapioca granulada (tapioca para bolo)
1 ¼ de xícara (chá) de açúcar
1 ⅔ de xícara (chá) de leite de coco (400 ml)
1 litro de leite
1 pitada de sal
2 xícaras (chá) de fitas de coco para servir

MODO DE PREPARO

Numa panela média coloque o leite, o leite de coco, o açúcar e o sal. Misture delicadamente com uma espátula para dissolver o açúcar. Leve ao fogo alto até ferver – mexa de vez em quando para evitar que o açúcar se concentre no fundo da panela e a formação de nata.

Numa tigela grande, coloque a tapioca e verta o líquido fervente, todo de uma vez. Misture delicadamente com a espátula para desmanchar eventuais grumos e a tapioca hidratar de maneira uniforme – pode parecer muito líquido, mas é assim mesmo, a tapioca vai hidratando ao longo do tempo.

Deixe a tapioca descansar por 30 minutos em temperatura ambiente, mexendo em intervalos de 10 minutos, até formar uma massa mais densa e cremosa. Nesse tempo a tapioca vai absorver o líquido e se transformar numa massa consistente e bem úmida.

Enquanto isso, forre com filme uma fôrma de bolo inglês de 30 cm x 12 cm (se preferir use outra forma com 2 litros de capacidade) – caso você não vá desenformar o cuscuz e servir direto do tabuleiro, não é preciso forrar com filme. DICA: para o filme aderir melhor, umedeça a fôrma com um pouco de água.

Passados 30 minutos, transfira a massa de tapioca para a fôrma e cubra com filme – para não ressecar e nem pegar cheiro. Leve à geladeira para esfriar e firmar por pelo menos 3 horas (se preferir, prepare o cuscuz no dia anterior). Enquanto isso, prepare a calda.

Para desenformar: cubra a forma com um prato e vire de uma só vez. Retire o filme e sirva as fatias com a calda de coco queimado e fitas de coco. Dica: umedeça a faca com um pano de prato molhado para cortar as fatias, assim elas saem retinhas e não grudam na lâmina.

PARA A CALDA

INGREDIENTES

1 ½ xícara (chá) de açúcar
200 ml de leite de coco
¾ de xícara (chá) de leite

MODO DE PREPARO

Numa panela média, coloque o açúcar e leve ao fogo médio, mexendo de vez em quando com uma espátula de silicone, até derreter completamente e formar um caramelo dourado – leva cerca de 8 minutos.

Enquanto isso, coloque o leite numa jarra medidora e leve ao micro-ondas por 2 minutos para aquecer (se preferir, use uma panela pequena e aqueça o leite no fogão). Atenção: caso forme uma camada de nata, pesque com uma colher e descarte antes de adicionar à calda.

Assim que o açúcar derreter, abaixe o fogo e junte o leite de coco, em fio, mexendo bem com a espátula para incorporar. Cuidado: o caramelo vai borbulhar, é assim mesmo. Em seguida, acrescente o leite quente, também em fio, mexendo com a espátula – não se preocupe caso parte do açúcar endureça, ele se dissolve durante o cozimento da calda.

Mantenha a panela em fogo baixo e mexa delicadamente com a espátula, por cerca de 8 minutos, ou até a calda ficar mais espessa. Para verificar o ponto, mergulhe uma colher na panela e retire: a calda deve cobrir as costas da colher.

Transfira a calda para uma tigela e deixe esfriar completamente antes de servir – assim ela fica na consistência ideal. Você pode manter a calda na geladeira por até 15 dias, armazenada num pote com fechamento hermético – se estiver muito firme na hora de usar, basta aquecer por 15 segundos no micro-ondas.
 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias