Criança de 4 anos queixa-se de dor na vagina e diz que padrasto a molestou


A mãe de uma garotinha de 4 anos de idade compareceu ao Plantão de Policia de Ourinhos na noite de quinta-feira (06/11), para registrar um Boletim de Estupro de Vulnerável contra seu atual companheiro, com quem vive a apenas 10 meses, por ter supostamente molestado sua filha, tocando a vagina da menina.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a mãe notou que sua filha estava brincando de uma maneira diferente, por isso a questionou. Nesse momento a garotinha disse que o padrasto havia mexido em seu órgão genital, colocando a mão em sua vagina.

Diante disso, a genitora passou a observar sua filha que começou a contar histórias fantasiosas e ter atitudes estranhas, simulando ato sexual.

Na noite de quinta-feira (5/12), o casal iniciou uma discussão dentro do carro, momento em que o homem freou bruscamente o veículo. A criança acabou batendo a cabeça no painel do carro, sendo socorrida ao Pronto Socorro da Santa Casa.

No hospital a mãe relatou para o enfermeiro que no último dia 05, por volta das 19h, quando foi dar banho em sua filha, esta lhe contou que sua vagina estava dolorida. Ao questioná-la onde estava dolorido, ela respondeu: “onde faz xixi mamãe o padrasto mexeu comigo a noite”.

Segundo a genitora a garotinha repetiu a mesma historia para a médica pediatra que lhe atendeu. Em seguida os mesmos Policiais que haviam registrado o acidente foram acionados, e retornaram até a Santa Casa.

Foi requisitado o exame de Corpo de Delito para atestar o estupro ou ato libidinoso, sendo que não foi constado nenhum ato sexual pelo médico legista, conforme o laudo.

O fato foi registrado no Plantão Policial acompanhado por uma Conselheira Tutelar, ficando orientadas a mãe e filha a dormirem num hotel essa noite para não terem contato com o padrasto, e hoje procurar pelo Conselho Tutelar. (Fonte: ourinhosnoticias.com.br)



i7 Notícias
-->