Operação Crepúsculo apreende drogas e leva 43 para a prisão em Marília


25 deles estavam envolvidos em crimes e 15 por não pagamento de pensão

‘Operação Crepúsculo’ realizada pela Polícia Civil entre a manhã e tarde de ontem prendeu 43 pessoas, sendo que 25 dos detidos estavam envolvidos com crimes e eram procurados pela Justiça.

Entre as prisões, estão do industriário Rogério Valentim, 20, e do adolescente E.D.P., 17, detidos pela DIG acusados de envolvimento no espancamento e consequente morte do montador Cirso Fernando Guilherme, 47, ocorrido no dia 29 de novembro.

Outra prisão de destaque foi a do pedreiro Erenice dos Reis Santos, 35, mais conhecido como ‘Nilson’. Ele, que é acusado de matar à tiros a ex-amásia Maria Aparecida Espósito, 28, em outubro, estava foragido havia quase dois meses e também foi pego pela DIG.

Das demais prisões, 15 foram por crimes administrativos, como não pagamento de pensão alimentícia, além de mais duas prisões em flagrante, ambas por tráfico de drogas, e um adolescente apreendido.

Ação envolveu 86 policiais e 35 viaturas e apreendeu mais de 300 gramas de drogas, entre maconha, cocaína e crack. Uma fábrica de DVDs piratas foi fechada no Jardim Bandeirantes. Lá, foram encontradas duas torres de computador com dez gravadores cada, além de 1.440 mídias já prontas para a comercialização.

Também foi localizada uma betoneira de quase meia tonelada, furtada a alguns dias de construção civil.

MATAHARI


i7 Notícias i7 Notícias