Por não aceitar relacionamento, homem mata namorada da irmã em Cândido Mota

A mãe da vítima e um rapaz de 24 anos também foram atingidos.


A mãe da vítima e um rapaz de 24 anos também foram atingidos.

 


Angélica Mendes Teodoro tinha 27 anos (Foto: Arquivo Pessoal)

 

Uma mulher de 27 anos morreu na noite deste sábado (10) após ser atingida por tiros durante um churrasco em Cândido Mota (SP). Outras duas pessoas foram atingidas e seguem internadas.

Segundo informações da Polícia, a vítima, Angélica Mendes Teodoro, foi alvejada durante uma discussão em uma chácara localizada em Cândido Mota. O autor dos disparos é irmão da jovem com quem Angélica mantinha um relacionamento.

No momento de desespero, o irmão da vítima, que também estava presente, resolveu socorrer Angélica levando-a ao Hospital de Andirá, no Paraná, mas a mulher não resistiu.

Além da jovem outras duas pessoas foram atingidas, entre elas a mãe de Angélica, que tem 48 anos, foi atingida no braço e segue internada no Núcleo de Atendimento Referenciado (NAR) do Hospital Regional de Assis.

O outro atingido é um jovem morador de Cândido Mota, de 24 anos. Ele foi alvejado no abdômen e segue internado no Hospital Maternidade de Assis.

O boletim de ocorrência foi registrado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Assis e a Polícia Civil investiga o Caso.

O atirador segue foragido.

 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias