Homem preso por porte ilegal de arma de fogo tira a própria vida na CPJ de Tupã

O homem permaneceu detido para ser encaminhando para audiência de custódia, mas por volta das 5 horas da madrugada foi encontrado morto na cela.


 


Dorival Aparecido Monteiro (destaque) tirou a própria vida na cela da Central de Policia Judiciária de Tupã (SP)

 

Dorival Aparecido Monteiro, 56 anos, foi encontrado morto na cela da CPJ de Tupã (SP), na madrugada do último domingo, dia 11, após ser preso por porte ilegal de arma de fogo na sábado na noite.

A  ocorrência registrada como porte ilegal de arma do fogo foi registrada pela Polícia Militar de Tupã por volta das 23h30 de sábado, dia 10, em Tupã (SP). O caso ocorreu na Rua Melvin Jones, e Dorival foi autuado em flagrante.

Consta na ocorrência que a equipe de Força Tática recebeu informações que, após um desentendimento familiar, em uma chácara do condomínio Vale Verde, o homem saiu do local em veículo VW/Saveiro em direção à Rua Brasil.

Após diligencias, os policiais conseguiram localizar o veículo e o acusado foi abordado, sendo localizado pela equipe com o mesmo um revólver calibre 38, acabamento em inox com numeração suprimida e desmuniciado. Ele assumiu a posse da arma.

Ele foi conduzido à Central de Policia Judiciária, onde foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. O homem permaneceu detido para ser encaminhando para audiência de custódia, mas por volta das 5 horas da madrugada foi encontrado morto na cela. 

O corpo de Dorival Aparecido Monteiro foi removido para o IML de Tupã.

 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias