Cachorro que caiu em penhasco de 30 metros é resgatado por bombeiros em Marília

Tico e Meg perseguiam quatis quando houve um desmoronamento. Operação durou cerca de 1h30; Meg não resistiu aos ferimentos e foi encontrada morta.


Tico e Meg perseguiam quatis quando houve um desmoronamento. Operação durou cerca de 1h30; Meg não resistiu aos ferimentos e foi encontrada morta.

 


Resgate do cachorro Tico durou cerca de 1h30 em Marília - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

 

O Corpo de Bombeiros resgatou um cachorro na tarde deste sábado (28) no Jardim Virgínia, zona oeste de Marília (SP). O cão, conhecido como Tico, caiu em um desfiladeiro de, aproximadamente, 30 metros de profundidade.

Segundo a família, ele e sua mãe, Meg, costumavam correr atrás de quatis, mas, ao entrarem em uma área coberta por entulhos, houve um desmoronamento.

Os familiares ouviram o barulho e chamaram pelos animais, mas como não respondiam, todos achavam que haviam morrido. No entanto, mais tarde, a dona de Tico ouviu latidos e acionou o Corpo de Bombeiros.

 


Cachorro foi colocado em um equipamento de segurança durante o resgate em Marília - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
 

Como o local era de difícil acesso, os bombeiros precisaram descer de rapel para alcançar os animais. Segundo a corporação, Meg não resistiu aos ferimentos e foi encontrada morta. Já Tico foi colocado em um equipamento de segurança e conseguiu ser resgatado.

A operação durou cerca de 1h30. O cachorro foi levado para uma clínica veterinária, onde recebe cuidados. Segundo a dona, ele sofreu fraturas em uma das patas, na costela e também na bacia.

 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias