Associação Comercial oferece oportunidade de emprego para estudantes de Paraguaçu Paulista

Os jovens brasileiros são os mais afetados pela degeneração do mercado de trabalho.


 


O proprietário da empresa Anjos Colchões e Sofás de Paraguaçu Paulista, Lindomar Alcântara, não hesitou em aderir ao
Projeto de Estágio e contratou o Vinicius Romeiro que teve a oportunidade do primeiro emprego

 

O cenário atual do país quando o assunto é desemprego está assustador. Parece filme de ficção, no entanto, 2019 fechou com 11,8% da população sem ocupação, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua).

Os jovens brasileiros são os mais afetados pela degeneração do mercado de trabalho. Os dados revelam que 41,8% da população de 18 a 24 anos faz parte do grupo dos subutilizados — ou seja, sem emprego formal. O número chega a impressionar: são 7,337 milhões de jovens sem ocupação.

Na contramão desse cenário, a Associação Comercial e Empresarial de Paraguaçu Paulista tem buscado soluções efetivas para que os jovens paraguaçuenses deixem de fazer parte do grupo de brasileiros subutilizados.

Segundo o presidente da ACE, Fábio Santos, o projeto de estágio da Associação Comercial foi a solução encontrada. Nesse projeto, em parceria com a Via Certa, alunos que ainda estão cursando o Ensino Médio, Técnico ou Graduação Acadêmica são contratados por empresas associadas. “É uma parceria que deu certo, pois o empresário tem facilidade na contratação dos estagiários e os estagiários têm a oportunidade de aprender e ainda recebe uma bolsa-auxílio”, afirma o presidente. 

 

Como funciona?

A Associação Comercial e Empresarial transmite o pedido da empresa com os requisitos desejados para a Assessora de Empregos da Via Certa, Danielle Lacerda, que desenvolve a divulgação das vagas, além de realizar a triagem dos currículos.

Essa triagem é repassada para a ACE até a contratação do estagiário. “Este formato está dando certo. A demanda de pedidos de estágio aumentou muito de um ano para cá e já tivemos diversos jovens inseridos no mercado de trabalho”, garante Danielle.

 

Os resultados na prática

O proprietário da empresa Anjos Colchões e Sofás de Paraguaçu Paulista, Lindomar Alcântara, não hesitou em aderir ao Projeto de Estágio e contratou o Vinicius Romeiro que teve a oportunidade do primeiro emprego. "O motivo maior foi dar a oportunidade para o Vinicius e nós vimos a evolução dele. Ele absorveu todas as experiências e com certeza colheremos bons frutos com ele na empresa”. 

Para o estagiário, hoje efetivado pela organização, foi a realização de um sonho. “Quando estamos estudando ficamos ansiosos e, até preocupados se vamos ser empregados ou não, e graças ao Projeto hoje estou efetivado e feliz na empresa”.

Ainda de acordo com o presidente da ACE, essa parceria é motivo de alegria para os empresários que podem capacitar e melhorar as habilidades dos contratados e motivo de celebração para os estagiários como o Vinícius que agora não faz mais parte da população desempregada em Paraguaçu Paulista.

 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias