Morador de Rancharia leva multa de R$ 6,5 mil por manter aves silvestres em cativeiro

Polícia Militar Ambiental dirigiu-se à residência após receber uma denúncia e constatou a infração. Pássaros foram apreendidos e encaminhados a uma entidade em Assis.


 


Aves mantidas em cativeiro foram apreendidas em Rancharia - Foto: Polícia Militar Ambiental
 

A Polícia Militar Ambiental aplicou uma multa de R$ 6,5 mil a um homem de 53 anos, morador de Rancharia, que mantinha em cativeiro em sua residência 13 aves da fauna silvestre.

Os policiais dirigiram-se ao local para averiguar uma denúncia de criação de pássaros silvestres em cativeiro e tiveram autorização do morador para vistoriarem o imóvel nesta quinta-feira (12).

Durante a fiscalização, os militares localizaram e apreenderam dois papagaios-verdadeiros, quatro coleirinhos-papa-capim, cinco canários-da-terra e dois trinca-ferros.

Segundo a polícia, o homem confessou que não possuía documentação nem autorização para manter as aves em cativeiro, o que lhe rendeu um auto de infração ambiental no valor de R$ 6,5 mil.

As aves apreendidas foram destinadas à Associação Protetora dos Animais Silvestres de Assis (Apass).

 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias