Atual presidente da Câmara, Sérgio Donizete fala sobre a sua pré-candidatura a prefeito

Ele é vereador pelo segundo mandato consecutivo e atual presidente da Câmara de Vereadores.


Há oito anos como vereador de Paraguaçu Paulista, sendo os dois últimos como presidente da Câmara Municipal, o também policial civil e graduado em Gestão Pública Sérgio Donizete, de 54 anos, lançou o seu nome como pré-candidato a prefeito de Paraguaçu Paulista pelo partido PODEMOS. Casado com Arlete Jesus Pereira, de 48 anos, ele tem quatro filhos: Camila, 32 anos; Jéssica, 26 anos; Matheus, 25 anos; Maria Clara, 12 anos; além de três netos.

O pré-candidato a prefeito de Paraguaçu Paulista concedeu entrevista ao i7Notícias. Confira:

I7Notícias: O que te motiva sair candidato a prefeito em Paraguaçu Paulista?

Sérgio Donizete: O que me motivou a sair como pré-candidato é ter a certeza de estar preparado para ser prefeito de Paraguaçu Paulista, caso eu venha ser eleito. Outro fator importante é que nestes quase 8 anos como vereador, eu aprendi muito sobre o município, as suas necessidades e os problemas da população de Paraguaçu Paulista. Eu também, nos meus 24 anos como Policial Civil, eu vi muita coisa nesta cidade, coisas que eu tinha vontade de poder fazer, de poder ajudar. Então, quando eu fui para a Câmara, pensei que lá eu poderia fazer muita coisa, fiz até, mas não era tudo o que eu queria. Como prefeito de Paraguaçu, caso eu venha ser eleito, eu tenho a certeza que terei condições de fazer muito pela cidade.

I7Notícias: Quais as obras mais urgentes para a cidade de Paraguaçu Paulista?

Sérgio Donizete: Paraguaçu Paulista, hoje, o que nós mais precisamos, isso não é só em Paraguaçu, é a nível nacional, nós temos quase 13% da população desempregada, é a geração de emprego e renda. Hoje, eu recebo no meu gabinete muitos jovens a procura de emprego, levando muitos currículos para mim. Então, hoje uma das principais obras em Paraguaçu Paulista a ser feita é um distrito industrial com capacidade para acolher as empresas da cidade que queiram se instalar lá, com incentivos fiscais, dentro da legislação, e também com capacidade para trazer pequenas, grandes e médias empresas de fora da cidade. Como trazer essas empresas? Eu acredito que para se trazer uma empresa você tem que oferecer para ela uma infraestrutura, uma legislação fiscal que dê para ela se instalar, nós teremos logo aqui a nossa rodovia duplicada, então isso é importante para a logística para as empresas se instalarem. Temos que criar um grupo de pessoas capacitadas para ir atrás destas empresas e mostrar para o pessoal de fora que Paraguaçu tem potencial para que eles se instalem aqui.

I7Notícias: Como você avalia a administração da prefeita Almira Garms?

Sérgio Donizete: Eu não gosto muito de falar da administração das pessoas, mas você está me perguntando, então eu não posso me omitir. Na minha opinião, a administração dela é ruim. Ela teve alguns acertos, mas errou bastante. Eu vou dar exemplo. Ela demorou muito para tomar algumas atitudes, teve pouco investimento no turismo. O turismo é igual uma empresa, gera emprego e renda. Não teve investimento no distrito industrial, que poderia gerar emprego e renda. Muito pouco investimento e até ao contrário, tirou algumas coisas das escolas, como os professores generalistas. Então houve pouco investimento na educação. Contratou-se os institutos e não resolveu problemas, gastou-se muito com isso e não resolveu o problema da população. A questão do recapeamento, demorou muito para se iniciar e agora está terminando em uma época eleitoral. Então, na minha opinião, a administração teve acertos, mas teve muitos erros.

I7Notícias: Quais áreas que o senhor deve dar prioridade no seu plano de governo?

Sérgio Donizete: No nosso plano de governo, quando nós apresentarmos para a população, ele vai estar bem específico. No primeiro item de lá: geração de emprego e renda, criação do novo distrito industrial. Eu entendo hoje, que a primeira coisa que Paraguaçu precisa é melhorar a questão do emprego, buscar mecanismos para gerar empregos aqui. Também na educação, Paraguaçu precisa de uma educação de qualidade. Paraguaçu precisar dar cursos, capacitação e dar incentivos para que os professores façam cursos, pois hoje as coisas mudam todo o dia. Então precisamos estar capacitando os professores. Reformar as escolas, pois têm muitas escolas que precisam de pinturas, reformas e ampliação. Informatizar todas as escolas, com rede de internet em todas as escolas, com computadores ou notebooks para que os professores possam elaborar o seu trabalho, informatização de toda a rede, boletim digital, pois através da internet os pais consigam ver como estão os seus filhos. Informatização total da rede de saúde. Um médico hoje pede um exame, e leva-se três, quatro, cinco meses para a pessoa ser atendida. Tem que ter mais agilidade, por isso que a informatização é muito importante. Também é muito importante melhorar o atendimento na distribuição de remédios. Nós temos só dois pontos de distribuição de remédios. Esses pontos têm que ser aumentados para mais vilas e até para os distritos. O esporte é vida para o idoso, é melhor qualidade de vida para o adulto, criança. Paraguaçu precisa de investimento nos esportes, em todos eles, com incentivo de campeonatos, campeonatos entre as escolas. Enfim, precisamos de muito investimento no esporte, até um contra turno para as crianças, estuda em um período e pratica esportes no outro. E também na cultura, investir em equipes de teatro, como tínhamos com o professor Reginaldo Galhardo, e na música. Tudo isso eu vejo que Paraguaçu precisa. Crianças de 12, 13 anos ficar na rua, quem vai pegá-las são os traficantes, então é melhor prevenirmos, gastarmos com esporte e educação, do que depois gastarmos com cadeia.

I7Notícias: O que o eleitor de Paraguaçu Paulista pode esperar do senhor se for eleito?

Sérgio Donizete: Pode esperar muito trabalho, muita dedicação, muita força de vontade, muita responsabilidade, não só da parte do pré-candidato aqui, mas da equipe do pré-candidato, pois a equipe será formada por pessoas capacitadas, pessoas técnicas em cada área, e pessoas que estejam com muita vontade de trabalhar pela cidade.

I7Notícias:  Você já definiu o seu vice-prefeito ou ainda está estudando possíveis nomes?

Sérgio Donizete: Ainda não definimos. Temos alguns nomes. Com esta mudança na legislação eleitoral, a gente deixou para definir mais para frente. Temos até o dia 16 de setembro para fazer a convenção. Nós pretendemos sim escolher alguém que esteja de acordo com o projeto do partido, com o projeto do grupo que estamos. 

I7Notícias: O que o leva a acreditar que poderá vencer as eleições deste ano?

Sérgio Donizete: A certeza da vitória, ninguém tem. Mas eu tenho fé que eu vou conseguir, pois eu tenho muito apoio. Quando eu saiu na rua, as pessoas da rua me dão esse apoio, pessoas que me ligam para dar apoio, as pessoas que usam as redes sociais para me darem um apoio. Hoje uma pessoa me ligou e falou: “Olha, você vai ser o próximo prefeito, eu tenho certeza. Eu cheguei a sonhar com isso”. Então, isso me motiva. Além de todo o trabalho que a gente vem desenvolvendo em oito anos como vereador, 24 anos como policial civil, com quase 2 anos como presidente de Câmara. E, graças a Deus, não temos nada que nos desaponte. 

I7Notícias: Estamos passando por um problema muito delicado que é o Coronavírus. As medidas executadas pela atual administração estão de acordo em sua opinião? Caso não estejam, o que faria de diferente?

Sérgio Donizete: Primeiramente, eu quero deixar aqui os meus cumprimentos, os meus agradecimentos a todos os servidores da Saúde. Sejam eles da rede municipal, da Santa Casa de Misericórdia, do Pronto-Socorro. Pois o empenho dessas pessoas no combate à Covid-19 está sendo uma forma exemplar. Então, fica aqui meus cumprimentos e parabenizo esses servidores. Com relação às atitudes tomadas pela prefeitura, não foram diferentes das outras cidades. Se você pegar o cenário nacional, ou até mesmo mundial, foi o mesmo. Agora, eu acho que a prefeitura de Paraguaçu pecou um pouco em relação ao comércio. Fechou o comércio muito cedo, diminuiu o horário dos supermercados, trazendo transtorno para a população, aumentando a aglomeração. Pessoas saindo daqui para ir comprar em supermercados de Assis, pois aqui eles fecharam no sábado às seis horas da tarde, aos domingos não abriram. Então essas atitudes da senhora prefeita e do comitê não foram corretas, não resolveram. O importante é o uso da máscara, o uso do álcool em gel, lavar bem as mãos, tomar bem todas as precauções que a Organização Mundial da Saúde nos diz, mas fechar comércio, você abre meio período aí as pessoas vão no meio período e fazem aglomeração.

I7Notícias: Deixe uma mensagem ao leitor do i7Notícias?

Sérgio Donizete: Paraguaçu tem jeito. Acredite na sua cidade, na nossa cidade. O que nós precisamos é se desenvolver, darmos a cara para essa cidade com novos projetos, novos planos e novas propostas. Precisamos de sangue novo, de pessoas que tenham coragem de trabalhar e arregaçar as mangas e que acreditam em uma cidade melhor. E também dizer aos eleitores que analisem os seus pré-candidatos, analisem os seus candidatos na época certa, vejam o histórico de vida de cada um, vejam o que cada um desses candidatos fizeram para Paraguaçu ou pelo povo, analisem a condição de cada um desses candidatos e não votem com o coração, votem com a razão. Analisem os projetos de cada candidato, os planos de governo de cada candidato, antes de tomarem a sua decisão, aí depois votem naquilo que a sua razão disser.
 

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias