Bebê de apenas um mês morre engasgada em Marília

O resgate foi acionado e às 10h45 deu entrada com a criança no hospital, após mais de 30 minutos de parada cardiorrespiratória.


Uma bebê de apenas um mês de idade morreu após dar entrada no Hospital Materno Infantil (HMI), vítima de engasgamento nesta sexta-feira (15) em Marília.

Segundo o apurado pelo Marília Notícia, a mãe da criança relatou ter colocado a menina no carrinho para ir tomar banho, momento em que a bebê teria se engasgado na residência em que moram, no Núcleo Habitacional Helena Bernardes, zona Sul da cidade.

O resgate foi acionado e às 10h45 deu entrada com a criança no hospital, após mais de 30 minutos de parada cardiorrespiratória.

A menina morreu no atendimento de urgência e emergência do HMI. Foi requisitado exame necroscópico e o caso é investigado na Polícia Civil.

O que fazer quando um bebê engasga?

Enfermeiras brasileiras criaram uma cartilha sobre cuidados de engasgo de bebês. A publicação foi lançada pela USP em 2017 e é destinada a todas as pessoas que tenham contato com crianças de até um ano para que saibam como proceder.

Um engasgo ocorre quando a traqueia é bloqueada por algum tipo de líquido, alimento ou objeto. Em qualquer idade, apresenta riscos de vida, por provocar asfixia e sufocamento. Em bebês, a sufocação ou obstrução das vias aéreas é a primeira causa de morte acidental de bebês até um ano de idade.

O serviço de resgate é preparado para atender situações desse tipo, por isso deve ser sempre acionado. A cartilha não foi elaborada com a proposta de se sobrepor ou de diminuir a importância dos serviços de resgate.

A ideia foi permitir que familiares e cuidadores tivessem informação de como agir caso não haja acesso aos serviços de resgate ou emergência, ou mesmo se o serviço demorar.

A principal recomendação é: fique atento sempre! Após amamentar, coloque o bebê para arrotar. Caso isso não ocorra, posicione-o deitado do lado direito para evitar regurgitação.

Também é fundamental a pequenos objetos que possam estar em contato com o bebê. Além disso, seguir as recomendações da equipe de saúde quanto aos tipos de alimentos a serem ofertados ao bebê, inclusive sobre a consistência, é de suma importância para a segurança dos bebês.

A cartilha completa criada pelas enfermeiras pode ser acessada clicando aqui.

Veja abaixo um vídeo que mostra como desengasgar um bebê:

DROGARIAS POUPAQUI


i7 Notícias i7 Notícias