Caminhão envolvido em acidente é retirado da ribanceira

O motorista do caminhão teve fraturas e já estava no local, na tarde de terça-feira, para a retirada do caminhão



O motorista do caminhão teve fraturas e já estava no local, na tarde de terça-feira, para a retirada do caminhão 

Com duas costelas fraturadas e um braço quebrado, o motorista do caminhão que colidiu frontalmente com carro GM/Corsa e resultou na morte de Anderson de Oliveira Menezes, 33 anos, esteve no local do acidente depois do ocorrido.

Ele foi até as proximidades do Rio Capivara, na ribanceira onde estava o caminhão, na tarde desta terça-feira (16), para aguardar a chegada do guincho para a retirada do veículo.

O acidente aconteceu por volta da 22 horas de segunda-feira (15), quando houve uma colisão frontal entre o carro GM/Corsa  que seguia pela rodovia no sentido Paraguaçu-Assis e o caminhão que seguia no sentido contrário, na Rodovia Manílio Gobbi (SP-284), em Paraguaçu Paulista, na altura da ponte do Rio Capivara.

Anderson ficou preso nas ferragens do carro, foi socorrido pelo Resgate do Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Pronto-Socorro de Paraguaçu. Porém, não resistiu aos ferimentos e faleceu na madrugada do dia 16.

 


Com duas costelas fraturadas e um braço quebrado, o motorista do caminhão que colidiu frontalmente com carro GM/Corsa 
e resultou na morte de Anderson de Oliveira Menezes, 33 anos, esteve no local do acidente


i7 Notícias i7 Notícias