Quatá promove encontro de primeiras-damas da região

A primeira-dama do Estado de São Paulo, Bia Dória, participou na manhã do dia 23, do 1º Encontro de Primeiras-Damas, realizado no Clube Saci, em Quatá.



A primeira-dama do Estado de São Paulo, Bia Dória, participou na manhã do dia 23, do 1º Encontro de Primeiras-Damas, 
realizado no Clube Saci, em Quatá

A primeira-dama do Estado de São Paulo, Bia Dória, participou na manhã do dia 23, do 1º Encontro de Primeiras-Damas, realizado no Clube Saci, em Quatá. O objetivo do evento foi discutir políticas públicas voltadas para área social. O encontro reuniu cerca de 50 primeiras-damas de municípios da região, como Presidente Prudente e Assis. Alguns prefeitos acompanharam as esposas no encontro.

A primeira-dama de Quatá, Lylian Pecchio, recepcionou Bia Dória e agradeceu a presença de todas as mulheres que estavam representando suas cidades. Em sua fala, Lylian destacou a importância do encontro para o fortalecimento dos trabalhos na área social e a valorização do ser humano. "Nós que trabalhamos com vidas, temos que olhar para as pessoas que mais precisam, com olhar de carinho e realizar as ações de uma maneira que gostaríamos que fosse feito para nós e para nossa família, por isso procuramos fazer o melhor para a população", disse a primeira-dama. Ao final, Lylian agradeceu o apoio e contribuições do Fundo Social de São Paulo.

O evento contou com stands de trabalhos produzidos por Fundos Sociais de municípios que estavam presentes. No stand de Quatá, foram expostos enxovais e bolsas confeccionadas pelas voluntárias e que são doados para gestantes, além de artesanatos  vendidos para arrecadar recursos para o Fundo Social. A primeira-dama do Estado visitou a mostra e elogiou os trabalhos.

Ao chegar em Quatá, Bia Dória se dirigiu até o Centro Comunitário "Padre Alfeu Picardi", onde conheceu projetos sociais voltados para crianças e adolescentes. Cerca de 140 pessoas são beneficiadas com o Projeto Espaço Amigo, que oferece cursos de inglês, informática, bordado, entre outros, e atividades aos alunos no período de contra turno enquanto os pais trabalham.

Segundo o prefeito, Marcelo Pecchio, "essa é uma forma de acolher essas crianças oferecendo mais qualidade de vida e aprendizado". Pecchio disse ainda que o prédio onde as atividades são realizadas é alugado e segundo ele, "a primeira-dama Bia Dória solicitou que seja feito um projeto para que o Estado possa viabilizar os recursos e construir uma sede própria". A solicitação deve ser encaminhada ao Governador do Estado. "Essa é uma ótima notícia que nos deixou muito felizes e com orgulho desse lindo trabalho realizado em Quatá e que agora vai poder contar com prédio próprio", finaliza Marcelo.

MATAHARI


i7 Notícias i7 Notícias