Integrantes do CCI de Paraguaçu têm artesanato como terapia

“É uma prática para os idosos estimularem a memória, o desenvolvimento de concentração, além de contribuir para a saúde mental”, avalia a diretora de Assistência Social, Cátia da Silva.



“É uma prática para os idosos estimularem a memória, o desenvolvimento de concentração, além de contribuir 
para a saúde mental”, avalia a diretora de Assistência Social, Cátia da Silva.

O Departamento de Assistência Social de Paraguaçu Paulista está desenvolvendo um novo projeto no Centro de Convivência do Idoso – CCI: o artesanato como terapia.

De acordo com a informação da diretora de Assistência Social, Cátia Aparecida da Silva, o artesanato como terapia ocupacional para idosas acontece frequentemente no CCI. 

“É uma prática para os idosos estimularem a memória, o desenvolvimento de concentração, além de contribuir para a saúde mental”, avaliou a diretora Cátia.

Cátia acrescente que “o artesanato como terapia ocupacional realmente ajuda, sendo tão importante quanto as atividades físicas”.
 

MATAHARI


i7 Notícias i7 Notícias