Polícia Civil esclarece crime de maus tratos contra animais

O indiciado não estava no local, mas foi instaurado inquérito policial para que seja responsabilizado pelo crime de maus tratos contra animais.



O indiciado não estava no local, mas foi instaurado inquérito policial para que seja 
responsabilizado pelo crime de maus tratos contra animais

A Polícia Civil de Cândido Mota, durante apuração de denúncia de maus-tratos contra animais, ocorrida no último dia 11, deparou-se com um cenário revoltante quando localizo um em um imóvel dois cães de porte grande, um deles da raça pitbull, que estavam amarrados por correntes.

Os animais apresentavam também sinais de maus tratos, já que estavam privados de alimentos, água e cuidados sanitários, além de apresentarem múltiplas lesões, praticadas por agressões provenientes de brigas entre os animais, bem como as eventualmente praticadas pelo próprio responsável das suas tutelas.

Os animais, com auxílio do Copo de Bombeiros, foram encaminhados a um médico veterinário local. A Vigilância Sanitária e o Instituto de Criminalística de Cândido Mota foram acionados para o local.

O investigado foi  identificado, porém não teve o nome divulgado pela Polícia Civil. O indiciado não estava no local, no entanto foi instaurado o inquérito policial para que seja responsabilizado pelo crime de maus tratos contra animais.

ÓPTICA JOVEM


i7 Notícias i7 Notícias