Homem morre após sofrer queimaduras graves ao acender churrasqueira com álcool

Conforme a Polícia Civil, ferimentos atingiram a face e tórax da vítima, de 52 anos



Conforme a Polícia Civil, ferimentos atingiram a face e tórax da vítima, de 52 anos

Um homem, de 52 anos, morreu na noite desta quarta-feira (22) após sofrer queimaduras ao acender uma churrasqueira com álcool, em Presidente Prudente.

A esposa da vítima contou à Polícia Civil que no dia 28 de outubro, o marido estava em um churrasco no sítio de um conhecido, localizado às margens da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425).

Ao acender a churrasqueira com álcool, o homem acidentalmente se queimou e foi socorrido por um amigo.

A vítima foi levada até o Hospital Regional (HR) de Presidente Prudente, onde deu entrada com quadro de queimadura de 2º e 3º graus na face e tórax. Ao todo, os ferimentos atingiram 18% de sua superfície corporal.

Na unidade de saúde, o paciente foi entubado e encaminhado à Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde recebeu curativos. Um exame de broncoscopia evidenciou que as vias áreas também haviam sido atingidas pelas queimaduras.

Após 24 dias internado, nesta quarta-feira, o homem sofreu uma parada cardiorrespiratória, não resistiu e morreu.

A esposa do homem ainda disse que ele não possuía problemas de saúde física, mas tratava ansiedade e depressão.

Um exame necroscópico foi solicitado.

A Polícia Civil registrou um Boletim de Ocorrência como morte suspeita.



i7 Notícias
-->