Mulher de 34 anos morre uma hora após receber alta e família registra B.O contra hospital em Marília

Segundo o boletim de ocorrência registrado pelos familiares, Amanda Cristina Januário Lima, de 34 anos, ​​​​​​​ficou uma semana internada no HC com suspeita de dengue



Segundo o boletim de ocorrência registrado pelos familiares, Amanda Cristina Januário Lima, de 34 anos, 
ficou uma semana internada no HC com suspeita de dengue e foi liberada para continuar tratamento em casa

A Polícia Civil investiga a morte de uma mulher de 34 anos nesta terça-feira (5) em Marília. Um boletim de ocorrência foi registrado pela família da vítima apontando negligência médica como possível causa da morte.

Segundo o documento, após ficar internada no Hospital das Clínicas (HCFAMEMA) por uma semana por suspeita de dengue, Amanda Cristina Januário Lima recebeu alta para continuar o tratamento em casa contra uma infecção urinária, que segundo o atestado, tinha motivo desconhecido.

Apenas uma hora após a alta, a vítima passou a se queixar de fortes dores de cabeça, já em casa, e desmaiou. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas a mulher já chegou ao hospital sem vida.

Em nota, o HCFAMEMA lamentou profundamente o ocorrido e disse "estar empenhado em esclarecer todos os fatos com transparência e agilidade, com atenção aos valores institucionais de respeito à vida, compromisso ético e transparência nas ações e resultados", diz o texto.



i7 Notícias
-->